Taccone - Vamos Cuidar da Sua Marca

Menu

O Marketing em diferentes regiões brasileiras

O Marketing em diferentes regiões brasileiras

A publicidade brasileira é elogiada em todo o mundo como altamente criativa, alegre e econômica, com grandes produções sendo feitas a partir de orçamentos pequenos se comparados a outros países.

Isso mostra que a nossa publicidade se baseia, principalmente, em grandes ideias, não em superproduções. Sendo um país multicultural, o Brasil tem capacidade de criar campanhas verdadeiramente envolventes para diversos públicos.

Embora a publicidade brasileira, em geral, seja incrível, ainda existe muita desigualdade na cobertura das agências e empresas do país. Nessa situação, não existe apenas uma questão cultural, mas econômica.

Recentemente, empresas com filiais em estados do Sudeste e Sul voltaram os seus olhos para outras regiões brasileiras. Um exemplo é a cidade de Salvador, a capital baiana fica atrás apenas do Rio de Janeiro e de São Paulo quando o assunto é consumo, por isso começou a receber incentivos e empresas vindas de todas as partes do país.

Esse processo começou a gerar uma publicidade nunca vista antes: mais voltada para regiões específicas ao invés de uma perspectiva baseada nas regiões Sudeste e Sul.

Recentemente, vimos empresas como a Leader e outras do ramo do varejo desenvolvendo campanhas regionais para o Norte e Nordeste. A publicidade desses locais têm sido fortemente influenciada por uma visão cultural própria. Ao desembarcar no nordeste com seus achocolatados, a Nestlé não apenas mudou alguns tamanhos de embalagem para se adaptar a demanda, mas usou também expressões e elementos da cultura local em suas campanhas.

As regiões Sul e Sudeste são semelhantes nos elementos e estratégias, com apenas leves diferenças causadas pelas culturas particulares dos consumidores de determinada cidade ou outra. As peças buscam exalar um apelo emocional para conquistar o público, que já construiu uma relação com as marcas e se insere no consumo de forma muito mais ativa do que em outras regiões.

Nas regiões Norte, Nordeste e Centro-Oeste, por outro lado, a publicidade era sempre voltada para a divulgação do produto com um menor uso do fator emocional. As marcas dessas regiões tinham relações mais baseadas na vivência familiar das pessoas.

Com essa migração de empresas e abertura de novos negócios e franquias fora do Sudeste, temos visto o cenário mudar. Como já foi dito antes, as empresas têm percebido o grande potencial do público dessas regiões, ganhando coragem para investir e mudar a forma como a publicidade local sempre foi feita.

Para isso acontecer, muitos precisaram estudar e estar bem informados sobre essas mudanças. Por isso, aqui na TACCONE estamos sempre disponibilizando artigos sobre os mais variados temas. Então, continue a acompanhar nossos textos, curta nossa página no Facebook e no siga no Instagram. Vai fazer a diferença para você!

error: